Defesa de dissertação de Mestrado

Mestrando(a):  Letícia Gomes Barroso
Título: “O nomadismo digital e os discursos construídos no território informacional: uma análise dos blogs 360meridianos e Nômades Digitais”.

Data:  06/08/2021
Horário: 14:00
Local:  Plataforma virtual: https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/carlos

Banca Examinadora: 
Profa. Dra. Maria Nazareth Bis Pirola (Orientadora - PÓSCOM/UFES)
Profa. Dra. Flavia Mayer dos Santos Souza (Membro interno - PÓSCOM/UFES)
Profa. Dra. Flavia Meneguelli Ribeiro Setubal (Membro externo - PPGADM/UFES)

Resumo: O nomadismo digital é a junção de duas ações consideradas distintas, o trabalhar e o viajar, que com este movimento, começam a ser tratadas como conexas. Com o intuito de compreender o emergente estilo de vida Nomadismo Digital, esta pesquisa busca perceber os elementos discursivos que constroem o movimento nos blogs Nômades Digitais e 360meridianos. Com esta análise, busca-se identificar a emergência do movimento, assim como as figuras, temas e os valores transmitidos pelos destinadores. Procura-se compreender também, como a nova configuração de trabalho liberal vista pelos nômades digitais é discursivizada. O recorte do corpus se deu na escolha de três postagens, uma do blog Nômades Digitais e duas no blog 360meridianos. No primeiro, foi selecionada apenas a postagem Manifesto Nômade, devido à falta de atualização do blog, no entanto, este blog é de suma importância para entender o surgimento do movimento no Brasil. Já no blog 360meridianos, foram escolhidas duas postagens, uma anterior à pandemia de COVID-19 e outra posterior, buscando entender a modificação discursiva durante o período. Para a análise destas postagens, nos ancoramos na Semiótica Discursiva, com Greimas (2014), Barros (2005) e Fiorin (2002, 2016). Utiliza-se os pensamentos de Casaqui (2016, 2018 e 2020), sobre as narratividades do empreendedorismo, assim como os modos de inspiração propostos e Rudiger (2010), sobre os elementos oriundos da literatura de autoajuda empreendedora, especificamente. Sobre o sujeito neoliberal e o novo espírito do capitalismo se utilizam Dardot e Laval (2016) e Boltanski e Chiapelo (2009), conectando o nomadismo digital e os preceitos neoliberais, já que mais do que um movimento de viajar e trabalhar, este pode ajudar a transformar os rumos do trabalho, especialmente no Brasil.
Palavras-chave: Nomadismo Digital, Semiótica Discursiva, Nômades Digitais, 360meridianos, Território Informacional. 
 

Tags: 
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910