Summary: Esta pesquisa tem o objetivo de realizar a revisão bibliográfica da noção de objetividade jornalística para comparar os resultados encontrados nessa investigação conceitual com o modo como os diversos atores envolvido com o campo do jornalismo compreendem esse conceito. Nossa hipótese é a de que, como valor fundamental da atividade, a objetividade jornalística já foi investigada conceitualmente por diversos estudos acadêmicos cujos resultados, apesar de publicados em livros e revistas da área, não alteraram a maneira como consumidores de informação, estudantes de jornalismo, jornalistas, e até mesmo professores de jornalismo entendem filosoficamente a objetividade e, consequentemente, a sua aplicação nas rotinas e procedimentos da prática jornalística. Para atingir esses objetivos, esta pesquisa vai, em um primeiro momento, levantar a bibliografia publicada sobre o tema, inventariar as diversas maneiras de se compreender conceitualmente a objetividade jornalística presente em vários estudos de pesquisadores da área, realizando uma classificação das definições e entendimentos desse conceito. Em um segundo momento, vamos aplicar questionários online entre estudantes e professores de jornalismo, jornalistas e consumidores de jornalismo do Espírito Santo para revelar quais são os modos como cada um desses atores compreende a objetividade. Como resultado, esperamos encontrar as relações e conexões possíveis entre a teoria e a prática do jornalismo, desde um conceito que é essencial para a atividade, já que, mesmo quando não é tematizado por aqueles que se ocupam do fazer jornalístico, se faz presente como pressuposto fundamental.

Starting date: 2016-08-01
Deadline (months): 24

Participants:

Rolesort ascending Name
Coordinator * Rafael da Silva Paes Henriques
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910